terça-feira, 5 de outubro de 2010


Meninas são complicadas...
Mas tão graciosas.
Lembro de como tudo começou...
Lembro do primeiro beijo e até da primeira vontade de ter uma menina nos meus braços.
Tudo começou cedo...
Foi uma descoberta difícil no inicio e pensei que fosse difícil somente no começo.
Mas não é fácil ser discriminada pela sociedade, complicado ficar bem perante os olhares alheios das pessoas cheias de preconceito.
Já amei meninas.
Já chorei por elas.
sonhei com algumas.
fui feliz.
pensei que um amor nunca morre.
acreditei em frases românticas.
tentei mudar por alguém.
fiz de tudo apenas para matar a saudade... andei apé vários e vários quilómetros, fugi de casa, fiquei sem poder voltar para casa e peguei caronas perigosas, outras divertidas.
fiz de tudo quase... sempre querendo fazer alguma menina feliz, ou fazer com que se sentissem amadas. E fazendo isso tudo, automaticamente me sentia feliz também, ao ver um sorriso estampado no rosto delas.
Só uma coisa não fiz... Nunca me amei ou cuidei de mim.
Sei que posso parecer desligada, mas, sempre estou vendo e participando de tudo.
Prefiro ficar desligada agora, mas desligada para os outros não mais para mim.
Gosto de mulheres inteligentes e divertidas.
Amei o que acreditei ser para sempre... mesmo sabendo que poderia ser perigoso...
Hoje ainda amo e ela está sempre do meu lado, mesmo que eu faça algo que a decepcione...
Te amo mãe, e eu sei que esse sentimento é o único que será pra sempre.

2 comentários:

  1. Cara, que texto ótimo.
    Me vejo INTEIRAMENTE NO SEU TEXTO.
    Do começo ao fim.

    ResponderExcluir